ALIMENTAÇÃO

 

     Neste quesito o Bretão surpreende novamente, pois eles têm excelente conversão alimentar.

 

    Seu melhor rendimento se dá quando é criado extensivamente, isto é, a pasto, e suplementado com as vitaminas, minerais , proteínas e energia suficientes para a categoria em que estiver através de concentrados, sal mineral específico e suplementos.

 

    Quanto melhor o manejo a pasto, qualidade da gramínea, e suplementação com feno ou capim picado na época de pouco pasto, melhor ele se desenvolve. O concentrado ou ração deve ser administrada para as categorias que têm exigências nutricionais maiores que só o volumoso (pasto e feno/capim) e o sal mineral , que é o caso de potros desmamados até 3 anos de idade, éguas no terço final de gestação e na lactação, garanhões e animais de trabalho diário.

 

      É recomendado dar rações de qualidade e idoneidade no mercado e a quantidade administrada não passará de 0,5% do Peso Vivo do animal, isto é, um animal de 800-900 kg vai comer no máximo 5-6kg/dia de ração, dividida em duas vezes.  Éguas em lactação devem comer ao redor de 0,7% do Peso Vivo de ração mais protéica e o volumoso pode ser complementado com fornecimento de leguminosas (alfafa , trevo ou soja perene).    

 

      Recomendamos dar a porcentagem ideal (entre 0,7 e 1% do PV),  também para potros que estão em fase de crescimento, até os 36 meses de idade e com uma quantidade de proteína maior entre 6 meses e 2 anos, período que mais crescem. Nesta fase também pode-se dar uma pequena quantidade de leguminosa (alfafa, trevo branco, soja perene, etc).

 

      Para os animais adultos em manutenção (éguas vazias, cavalos castrados, éguas no início de gestação) o pasto à vontade, próprio para eqüino, bem adubado, na época das águas não precisa nem de ração para manter fisicamente bem, é só complementar com sal mineral.

 

      Outro alimento fundamental é a água, sempre limpa, fresca, e à vontade, é fundamental para todo desenvolvimento fisiológico do animal e com isso melhor rendimento.  

 

          Informação de referência: um potro Bretão de Grande Porte, bem criado, desmama aos 6 meses com média de 300 Kg de peso  e altura de 1,30m, se nasceram ao redor de 1,02m.  Animais que chegarão na idade adulta a 1,62- 1,65m de altura  e 800-900 kg de peso em média. A média é que desmame entre 1,25 e 1,27 m de altura e 250-270 kg e nasçam com 97cm.

         A fórmula para obter o peso vivo dos cavalos de tração pesada através de uma fita métrica, no caso de não terem balança é a seguinte: PERÍMETRO TORÁXICO – PT EM CM X 7,3 – 800 = PV – RESUMINDO : PT (cm) x 7,3 – 800 = PV

     Atenção!!

Novo Endereço

Rua Osvaldo Cruz , 85 - Sala 6 

Centro - Amparo - SP.

CEP: 13900-010 

Telefone

(19) 3807-7974/

(19) 99715-4545 (vivo)

Whatsapp

                   ATENÇÃO!!   

Atendimento em Horário Comercial

            de Segunda a Sexta

Contato 

RECLAMAÇÕES E DENÚNCIAS DE SERVIÇOS

Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Bretão | Todos os direitos reservados